nadar!

 

 

 


 

Arapiraca quebra marca continental. Daynara e Poliana batem recordes brasileiros

De: http://www.cbda.org.br/especiais/finkel2009/materia.php?mat_id=10820
Date: 09-09-2009

o

O primeiro dia de finais do Finkel 2009 não poderia ser melhor. O baiano Luiz Rogério Arapiraca, da Unisanta, bateu o recorde sul-americano dos 1500m livre, com 15m13s13. Além disso, Daynara de Paula, depois de surpreender no Mundial de Roma, aprontou mais uma. E Poliana Okimoto confirmou na piscina a ótima fase que passa nas maratonas aquáticas. Eles foram os destaques do primeiro dia de finais do 38º Troféu Finkel de Natação / Brasileiro Absoluto / Taça Correios, na manhã desta 4ª feira, 2/09, na piscina da Unisul, em Palhoça, Santa Catarina. Arapiraca dedicou a vitória e o recorde a seu pai e técnico, Carlos Rogério Arapiraca, a quem apontou ao fim da prova. - Devo muito a ele e mesmo ele estando um pouco ausente este ano devido ao circuito mundial de maratonas, que ele percorre com outro nadador, o Allan, seus treinos e a força que me passa são fundamentais para mim – revelou Arapiraca. O recorde sul-americano da prova pertencia ao venezuelano Ricardo Monastério, 15m15s05, desde 2003, e a marca brasileira já era era de Arapiraca desde o Troféu Maria Lenk de maio deste ano, 15m15s94.

oo

Na prova de abertura da etapa, Daynara, nadadora do Minas Tênis, bateu o recorde brasileiro dos 50m livre, com 24s99. A recordista anterior, Flavia Delaroli, ficou em segundo com 25s09, a três centésimos de seu recorde conquistado nesta mesma piscina, em dezembro passado. A terceira colocada dos 50m livre feminino foi Nathalia Sá dos Santos, do Corinthians, com 25s33. - Eu vim para tentar a casa dos 24 segundos e consegui. Meu desempenho nos 50m borboleta em Roma me credenciava a baixar o tempo no estilo livre também. Mas vencer a Flávia, nossa. Quem sabe é mais uma prova em que vou poder tentar me classificar para a seleção? – concluiu Daynara, que completou 20 anos durante o Mundial da Itália, competição em que foi finalista dos 50m borboleta (8ª colocada) com recorde sul-americano. Na prova mais aguardada do dia, Poliana Okimoto deu seu show particular e venceu de ponta a ponta os 800m livre, quebrando sua marca nacional em mais de um segundo (de 8m41s58, de março de 2008, para 8m40s05). A surpresa foi a ausência de Ana Marcela Cunha do pódio. A nadadora da Unisanta, que viaja com Poliana e Allan do Carmo na noite desta 5ª feira (3/09) para disputar a etapa americana da Copa do Mundo de Maratonas, terminou em quarto nos 800m livre, 8m53s87. Ao lado de Poliana no pódio ficaram Maria Caroline Ferreira, do Corinthians (8m52s27), e Izabela Fortini, do Minas Tênis (8m53s60). - Enquanto der para conciliar a piscina com as maratonas, vou levando. Adoro nadar e queria muito melhorar meus tempos na piscina e ajudar o Pinheiros na pontuação. Ainda nado aqui os 200m livre (eliminatórias na tarde de 4ª e finais na manhã de 5ª) e viajo para Nova York para competir no domingo – disse Poliana. Na versão masculina dos 50m livre, Nicholas Santos venceu com novo recorde de campeonato. O nadador do Pinheiros fez 21s55, melhorando em 22 centésimos a marca das eliminatórias. O segundo colocado foi seu companheiro de clube e revelação do estilo, Bruno Fractus, nove anos mais jovem, com 21s80. O bronze foi para o gaúcho Guilherme Roth dos Santos, nadador da anfitriã Unisul/SC, com 21s97.

ooo

Nos 200m peito feminino, a jovem capixaba Thamy Ventorin, do Clube Álvares Cabral, confirmou o favoritismo conquistado ao superar o recorde de campeonato nas eliminatórias, e ganhou com 2m32s70. Ela derrotou duas atletas que representaram o Brasil no Mundial de Roma, Tatiane Sakemi e a recordista sul-americana da prova Carolina Mussi, ambos do Pinheiros, que finalizaram em segundo e quinto lugar, respectivamente, com 2m33s48 e 2m34s24. A terceira colocada foi Michele Schmidt, do Corinthians, com 2m33s92. No masculino, Thiago Pereira venceu os 200m peito em 2m10s91, com recorde de campeonato. A marca anterior era dele mesmo, com 2m13s37, do ano passado. O pódio foi completado por Tales Cerdeira e Henrique Barbosa, ambos do Pinheiros, com 2m11s59 e 2m12s29, respectivamente. Pinheiros larga na frente = O Esporte Clube Pinheiros largou na frente na busca por seu 7º título consecutivo. O clube paulista totalizou 434 pontos, seguido por Minas Tênis, 316, e Unisanta, 245.

oooo

Vencedores da 1ª etapa – 2/9/2009 50m livre F = Daynara de Paula – Minas Tênis - 24s99 (RB) 50m livre M = Nicholas dos Santos – Pinheiros – 21s55 (RC) 200m peito F = Thamy Ventorin – Álvares Cabral/ES – 2m32s70 200m peito M = Thiago Pereira – Minas Tênis – 2m10s91 (RC) 800m livre F = Poliana Okimoto - Pinheiros - 8m40s05 (RB) 1500m livre M = Luiz Rogério Arapiraca – Unisanta – 15m13s13 (RS) RS – Recorde sul-americano / RB – Recorde Brasileiro / RC – Recorde de campeonato